Você sabe o que é um Neoreacionário Tecnológico?

Publicado: 23/11/2013 em Tecnologia

Muitos de nós anseiam por um retorno a uma era de ouro ou de outra.
Mas,  há uma comunidade de blogueiros que tomam a idéia ao extremo: Eles querem transformar o modo de comunicação e governos de volta para  dias antes da Revolução Francesa. (Calma, eu explico!)

Neoreacionários acreditam que enquanto a tecnologia e o capitalismo avança a humanidade ao longo dos dois últimos séculos, a democracia realmente fez mais mal do que bem. Eles propõem um retorno a funções de gênero à moda antiga, a ordem social e monarquia.

Você pode encontrá-los em hangouts de tecnologia como Hacker News e o Less Wrong, tendo conversas enigmáticas sobre “Moldbug” e “Catedral”.
E embora não queira exatamente desenfrear a indústria de tecnologia, o fundador do PayPal Peter Thiel manifestou idéias semelhantes e Pax Dickinson, ex-CTO da Business Insider, diz que ele foi influenciado pelo pensamento neoreacionário. Pode ser uma pequena massa minoritária com visão de mundo, mas é uma pessoa que eu acho que brilha alguma luz sobre a psique de cultura tecnologia contemporânea.

Muito já foi escrito sobre Neoreacionarismo, o suficiente para preencher pelo menos um par de livros, por isso, se você preferir ir direto à fonte, basta colocar um Modafinil no Google ou pular para o “Lista de leituras neoreacionárias” no final deste post. Para todos os outros, eu vou fazer o meu melhor para resumir o pensamento neoreacionário e por que ele pode importar.

Quem são os Neoreacionários?

“Reacionário” originalmente significava alguém que se opôs à Revolução Francesa,. Hoje geralmente o termo refere-se a aqueles que gostariam de voltar a um estado pré-existente das coisas. Neoreaction ou dark enlightenment, começou com o cientista da computação e empresário Curtis Yarvin, que tem um blog com o nome de Mencius Moldbug. Yarvin, se auto nomeou Lorde Sith do movimento.

Ele começou sua carreira como um comentarista em sites como 2blowhards antes de iniciar seu próprio blog Unqualified Reservations em 2007. Yarvin originalmente chamo sua ideologia de “formalismo”, mas em 2010 o blogger libertário Arnold Kling se referiu a ele como um “neo-reacionário.” O nome ficou identificado por mais blogueiros – como Anomaly UK  (que ajudou a popularizar o termo), Nick  Land (que chunhou o adjetivo “iluminação escura”) e Michael Anissimov que também começou a se auto-identificam como neoreacionario.

O movimento tem alguns precursores contemporâneos, como Herman Hoppe e Steven Sailer , e claro, neoreacionarismo é fortemente influenciada pelo pensamento político antigo – Thomas Carlyle e Julius Evola são particularmente populares.

Anti-Democracia

Talvez a única coisa que une todos os neoreactionarios é uma crítica da modernidade, que gira em torno de oposição à democracia em todas as suas formas. Muitos são ex-libertários que decidiram que a liberdade e a democracia são incompatíveis.

“Os sistemas governados pelos ‘povo’, como a democracia e o comunismo, são previsivelmente menos financeiramente estáveis do que os sistemas aristocráticas”, Anissimov escreve . “Em média, passam por mais recessões e seguram mais dívidas. Eles são mais suscetíveis a falhas de mercado. Perdem mais recursos. Cada dólar vai mais longe no sentido de melhorar padrão de vida para a pessoa média em um sistema aristocrático do que em um democrata.”

O tipo de monarquia que eles preferem varia. Alguns querem algo mais próximo de teocracia, enquanto Yarvin propõe transformar os Estados-nações em corporações com o rei como chefe executivo e a aristocracia como acionistas.

Para Yarvin, estabilidade e ordem triunfa em todos. Mas críticos como Scott Alexander pensam e defendem que  neoreactionarios superestimam a estabilidade das monarquias (para dizer no mínimo na minha opinião). Alexander recentemente publicou um FAQ anti-reacionário , um documento enorme que examina e refuta as afirmações de neoreactionarios.

“Para um observador do mundo medieval ou renascentista de monarquias e impérios, a estabilidade das democracias parece totalmente sobrenatural”, ele escreveu. “Imagine dizer a rainha Elizabeth I, a quem como vimos acima sofreu seis rebeliões apenas em duas gerações de sua família de governo até esse ponto que a Grã-Bretanha tem sido 300 anos sem uma guerra civil relacionados com a não-colonia. Ela iria pensar que ou você estava colocando ela no lugar de Deus, ou que o próprio Deus havia enviado um exército de anjos para manter pessoalmente a ordem. “

É uma saída?

Yarvin propõe que os países devem ser pequenas “cidades-estado” e que todos eles devem competir pelos cidadãos. “Se os moradores não gostam de seu governo, eles podem e devem se mover”, ele escreve . “O design deve ser sugerindo “saia” e não “Reclame”.”

Isso provavelmente vai soar familiar se você ouviu o discurso no Y Combinator do Balaji Srinivasan.

Apesar de várias notícias sobre, ele descreveu a conversa como uma chamada para o Vale do Silício se separar da união, Srinivasan disse ao Tim Carmody que o seu discurso foi mal interpretado. “Eu não sou um libertário, não acredito em secessão, sou um democrata registrado, etcetera etcetera”, escreveu ele. “Esta é realmente uma conversa que é mais sobre a emigração e sair.”

Eu não conheço a fundo no que Srinivasan acredita, mas parece que ele encontraria visualizações neoreacionárias  repulsivos. E a saída é um conceito que agrada tanto à direita e à esquerda. Mas há outros no Vale empurrando idéias muito mais perto do neoreacionarismo. Patri Friedman, que co-fundou o Instituto Seasteading com Peter Thiel, mencionou especificamente o blog de ​​Yarvin em uma lista de leitura no final de um ensaio para Cato Unbound e Yarvin foi convidado para falar na conferência do Instituto Seasteading em 2009 depois de sua aparição foi cancelada. Thiel, por sua vez, expressou uma opinião relacionada em seu próprio artigo para Cato Unbound : “Eu não acredito mais que a liberdade e a democracia são compatíveis.”

Aliás, Founders Fund de Thiel é um dos investidores na companhia de Srinivasan Counsyl. O co-fundador da startup de Yarvin. Tlon foi um dos primeiros a receber o Thiel Fellowship. Anissimov foi o diretor de mídia da Thiel apoiado Instituto Intelligence Machine (anteriormente conhecido como o Instituto Singularity). É o suficiente para fazer girar a cabeça de um teórico da conspiração, mas eu não estou realmente sugerindo que há uma conspiração aqui. Eu não acho que Peter Thiel é parte de alguma trama mestre neoreacionária. Eu nem sequer sei necessariamente se ele é um neoreacionario. Mas você pode ver que um determinado conjunto de idéias estão se espalhando através de fora a cena da partidos. Idéias neoreacionárias sobrepõem fortemente com Seasteading e racismo científico (mais sobre isso mais tarde), e este maior “cult homem das cavernas” tem um impacto na cultura tecnológica, a partir de ambientes de trabalho para a atmosfera social em conferências.

Para ser claro, porém, neoreacionarismo puro é uma posição de uma extrema minoria que provavelmente nunca pegará nada além de um pequeno culto. Mas tem havido uma explosão de interesse desde o final de 2012, apesar do fato de que Hoppe, Sailer, Yarvin e outros terem escrito sobre essas coisas há anos (e tem o primo europeu do neoreacionismo, o archeofuturism que tem ocorrido por muito mais tempo). E esse interesse só acontece de modo a coincidir com a crescente atenção da mídia a ser paga para exponenciar os problemas da indústria de tecnológica, de sexismo em jogos de vídeo de “cultura bro” na indústria de tecnologia.

E muitos profissionais, ao invés de admitir que o seu papel na gentrificação, a disparidade de riqueza e deslocamento trabalho , estão lançando-se como vítimas.

Anúncios

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s